terça-feira, 2 de novembro de 2010

REFLEXO PERDIDO - Marta Carvalho

Sinopse

Tudo mudou quando Liliana perdeu a sua irmã gémea. O seu mundo ficou virado do avesso, e tudo o que acontece de seguida vai sendo revelado ao longo da história: as suas tristezas, frustrações, reacções e o apoio dos amigos e da família. No entanto, como em todas as boas histórias, esta vai sofrer uma reviravolta. Alguém irá aparecer e muitos segredos irão ser desvendados.

Opinião

Este livro foi uma oferta da Papiro Editora na sequência de um passatempo, a quem desde já agradeço o apoio editorial tão precioso que tem dado ao Prazer da Leitura.
Não posso deixar de admirar o trabalho realizado por Marta Carvalho, que com apenas 15 anos, publicou com muito mérito esta fantástica obra.
Marta conta-nos a história de Liliana, que após a perda drástica da sua irmã gémea, retoma a muito custo a sua vida normal. Normal, no sentido de hábitos diários, porque psicologicamente persistia o vazio causado pela saudade.
Desde cedo esta narrativa prendeu-me a atenção, as revelações surpreendentes e os acontecimentos inesperados, tornando-a cativante.
Um aspecto que achei muito interessante, foi a forma que a Marta utilizou para descrever e apresentar a Vila de Óbidos. Uma descrição elaborada de forma muito dinâmica, utilizando de forma inteligente os diálogos das personagens presentes. Sinto-me bastante envergonhada de o admitir, mas uma vila que me é tão próxima e familiar, só agora me dei conta que sei tão pouco da sua história.
Tive pena que o desenrolar desta narrativa se desse de forma tão rápida, o seu corpo está bem organizado e o conteúdo muito interessante, no entanto senti que alguns pontos podiam ter sido mais desenvolvidos.
A escrita é fluida e muito acessível, sem dúvida que a idade da Marta em muito influencia estas características. Para mim é um ponto positivo. Estas características contribuíram para que a leitura fosse agradável e ligeira, apesar de a considerar muito dinâmica.
Eu gostei bastante. E vocês?

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigada pelo seu comentário...